Saiba mais sobre cuidados e durabilidade das facetas de porcelana

Tempo de leitura: 9 minutos

Um tratamento rápido e eficaz para quem sonha com um sorriso perfeito; assim são as facetas de porcelana, laminados que garantem dentes alinhados e mais brancos. Utilizando materiais altamente tecnológicos, esse procedimento estético apresenta boa resistência, ou seja, o paciente pode falar e mastigar sem medo.

Então, não é preciso nenhum cuidado com os dentes depois de realizar essa técnica? Não é bem assim: para garantir a cor, o brilho e a durabilidade das facetas de porcelana por mais tempo é necessário prestar atenção em alguns hábitos relativos, principalmente, à alimentação e à higiene bucal.

É disso que vamos tratar neste post: continue a leitura e saiba mais sobre as características dessa espécie de “dentes de porcelana”, sua durabilidade e quais são os cuidados que o paciente deve ter para aumentar a vida útil e a beleza desses materiais estéticos!

O que são facetas de porcelana?

São laminados de, em média, 7mm, produzidos em laboratório, e utilizados para o revestimento da face externa dos dentes anteriores. É um tipo de tratamento estético que ganhou muita procura nos consultórios porque esses materiais apresentam o mesmo brilho, transparência e coloração de um dente natural.

São indicadas para modificar o formato, a largura, o comprimento e a coloração dos dentes, bem como para corrigir a borda dos dentes e o espaço entre eles (diastemas). São, portanto, ideais para reparar pequenas imperfeições no sorriso do paciente que, depois de corrigidas, transformam sua aparência e elevam sua autoestima.

Esse tratamento também pode ser conhecido popularmente como “dentes de porcelana”.

Diferença entre facetas e lentes de contato dentais

Embora tenham algumas semelhanças, é importante distinguir as facetas cerâmicas e as lentes de contato dentárias.

Ambos os procedimentos buscam resultados rápidos de correção da harmonia e cor do sorriso por meio da fixação de placas em cima dos dentes naturais. A principal diferença, no entanto, está na espessura desses laminados e no modo de colocação.

As lentes de contato costumam ser mais finas (cerca de 0,2mm) e exigir menor desgaste do esmalte dentário para serem colocadas. Por essas mesmas razões, elas não são capazes de resolver problemas mais complexos, como manchas severas e dentes muito desalinhados.

Tratamento com especialista

Para que o dentista consiga um encaixe perfeito das facetas de porcelana nos dentes, ele realiza um pequeno desgaste no esmalte dental e depois cimenta o material dente a dente.

Por isso, a técnica deve ser feita por um profissional especializado em Dentística, que saberá o quanto é necessário desgastar e fará estudos do rosto e sorriso do paciente, bem como radiografias e testes com fotografias e moldes (mockup) para garantir um resultado natural e estético. Isso é importante porque o tratamento não pode ser desfeito, visto que a estrutura do dente não se regenera.

Um profissional altamente qualificado saberá orientar quanto a melhor coloração das facetas de porcelana: elas devem se parecer a um dente natural, ou seja, como se fosse a tonalidade natural do sorriso do paciente, porém clareado. Muitas pessoas buscam dentes extremamente brancos, o que não é ideal, visto que o efeito será artificial.

Quais  as indicações e contraindicações desse tratamento?

As facetas de porcelana podem ser usadas amplamente para resolver uma série de problemas. No entanto, é preciso avaliar com cuidado se esse é o procedimento mais adequado para cada situação.

Esse tipo de intervenção é indicado principalmente para:

  • manchas mais profundas, especialmente as que atingiram a parte interna dos dentes;
  • dentes lascados ou severamente disformes;
  • desalinhamento dos dentes, como diastemas.

Contraindicações das facetas de porcelana

Em cada um desses casos é fundamental avaliar se outros procedimentos não são mais adequados, seja por serem menos invasivos, ou porque o problema demanda atenção especial.

Nos casos de manchas e despigmentações, dependendo do grau, a condição pode ser facilmente resolvida por meio de clareamento dental ou então de lentes de contato dentárias.

Para a correção da posição dentária, é preciso avaliar se não será preciso realizar o tratamento ortodôntico. Isso pode acontecer principalmente nos casos de desalinhamentos mais graves ou quando é verificado problemas na mordida.

Por último, casos de bruxismo podem fazer com que precise ser adiada a colocação desses laminados, uma vez que o transtorno precisa ser tratado primeiro para evitar prejuízo na qualidade do resultado final e em sua duração.

Qual é a durabilidade das facetas de porcelana?

Que o resultado é surpreendente, muitos pacientes sabem; tanto é que as facetas de porcelana estão entre os tratamentos preferidos das celebridades. Mas quanto tempo elas duram?

Quem realiza o procedimento pode ficar sossegado: as facetas podem durar até 20 anos, desde que sua colocação tenha seguido corretamente a técnica de desgaste e fixação nos dentes. Isso porque elas são feitas com um material bastante resistente e os adesivos para cimentá-las nos dentes são bem fortes.

Dessa forma, o paciente fica seguro ao falar, sorrir ou mastigar, sem se preocupar com que a faceta saia do lugar e ele tenha que correr para o dentista.

Materiais de qualidade

Além disso, há diferentes materiais para a confecção desses laminados. As facetas de dissilicato de lítio, por exemplo, são um tipo de porcelana mais moderno, com melhor resistência, brilho, transparência e coloração. Assim, as chances de que elas se descolem, trinquem ou percam a beleza são praticamente nulas.

Portanto, fique atento se encontrar valores de tratamento muito baixos, porque você pode ter dor de cabeça no futuro.

Compatibilidade com a gengiva

Na colocação dos laminados de cerâmica, é importante que as bordas das estruturas encaixem-se harmoniosamente na gengiva, sem serem posicionadas muito internamente nesse tecido. Caso contrário, pode haver problema de compatibilidade e o surgimento de inflamações que obriguem a retirada das facetas. Em algumas situações também pode ocorrer retração gengival.

Por isso, é fundamental contar com a ajuda de um profissional qualificado e confiável.

Prevenção

O paciente também apresenta papel fundamental na durabilidade desses “dentes de porcelana”. É preciso ter os mesmos cuidados recomendados à dentição natural.

Assim, são fundamentais atitudes preventivas como boa higiene bucal e uma dieta que evite o excesso de alimentos que possam danificar os laminados cerâmicos, como cítricos e aqueles que contenham pigmentos concentrados.

Quando devo trocar as facetas?

Com os cuidados corretos, as facetas de porcelana podem durar duas décadas sem exigir substituição. No entanto, ao final desse prazo, ou devido a fatores como a quebra ou danificação do material, é preciso realizar sua troca.

Porém, seguindo as recomendações corretas, essa reposição demorará muito a acontecer.

Apesar disso, é importante se lembrar de que os laminados precisam de manutenção para manterem a cor e o brilho por mais tempo. Assim, é muito importante fazer o acompanhamento periódico com o dentista. É ele quem avaliará o estado das facetas de porcelana e quando é necessário realizar procedimentos adicionais para garantir sua durabilidade e resultados satisfatórios por mais tempo.

Quais são os cuidados que o paciente deve ter?

Além da qualidade do material das facetas de porcelana e da excelência da execução do tratamento, os cuidados que o paciente deve ter no dia a dia são essenciais para aumentar a vida útil desses laminados. Acompanhe.

Alimentação

É preciso evitar:

  • alimentos que mancham os dentes, como café, vinho e produtos com corantes, porque podem afetar a coloração das facetas de porcelana;
  • alimentos muito duros, como amendoim, milho de pipoca, rapadura e torresmo, porque eles podem trincar o material;
  • alimentos muito ácidos, como refrigerantes, pois podem comprometer a qualidade do laminado.

Higienização bucal

Muita gente pensa que os dentes estarão protegidos com as facetas de porcelana e, por isso, podem se descuidar da limpeza bucal. Isso não é verdade. Os dentes continuam suscetíveis à ação de bactérias que causam a placa bacteriana, o tártaro e a cárie; portanto a higienização bem feita é muito importante.

Ademais, pacientes que utilizam esses laminados estéticos podem ter retração gengival e, se a limpeza não for adequada, podem desenvolver problemas na gengiva, como a gengivite.

Veja como deve ser a limpeza bucal em pacientes que têm facetas de porcelana:

  • utilize uma pasta de dente pouco abrasiva para não danificar o material;
  • use uma escova com cerdas macias;
  • faça movimentos suaves, porque a força na hora da escovação pode causar pequenos desgastes nas facetas de porcelana, o que contribui para que restos e pigmentos de alimentos fiquem aderidos a ela;
  • passe o fio dental entre todos os dentes para evitar o acúmulo de restos de alimentos em locais em que a escova não chega.

Hábitos ou manias

O paciente precisa também se livrar de algumas manias e hábitos ruins para garantir uma durabilidade maior das facetas de porcelana. Por isso, é bom evitar:

  • roer unhas;
  • morder objetos, como lápis ou tampa de canetas;
  • cigarro.

Checkup odontológico

Além de ser cuidadoso com a alimentação e higienização, é preciso realizar as consultas de rotina no dentista para avaliar o estado das facetas de porcelana, bem como da saúde bucal em geral.

O dentista deve acompanhar também pacientes que apresentam bruxismo, que é o ranger dos dentes. O problema desgasta a dentição e pode comprometer as facetas de porcelana. Dessa forma, o indicado é tratar o bruxismo antes de colocar os laminados ou utilizar placas intraorais se o procedimento estético foi realizado.

A durabilidade das facetas de porcelana, seu efeito natural e a rapidez com que é realizado todo o procedimento são algumas das vantagens dessa técnica. Se você quer transformar seu sorriso e sonha com dentes alinhados e mais brancos, procure um dentista especializado e realize esse tratamento estético.

Seguindo essas recomendações, é possível ter mais segurança e tranquilidade na hora de realizar esse procedimento e garantir que esses “dentes de porcelana” durem tanto quanto os seus naturais.

Caso ainda tenha dúvidas a respeito do assunto, confira o nosso artigo sobre o que considerar antes de iniciar o tratamento com facetas de porcelana!

Sobre Dr. Francisco

Dr. Francisco de Oliveira Castro
Dentista avaliador na clínica Vital Implantes.
CRO-DF 9447
Graduado em 1997 pela FELA-INCA/UEMG;
Pós-graduando em Implantodontia na EAP-ABO de Campo Belo - MG.

2 Comentários

  1. Sonia arroja

    Eu tenho facetas, nos dois dentes da frente, sera que posso usar pasta branqueadora?

    Responder
    1. Dr. Francisco

      Olá Sonia, para melhor lhe atender, vamos agendar uma avaliação para esclarecer todas as suas dúvidas? =D
      Brasília 061-3032-5666
      Goiânia 062-3996-6666
      Um abraço!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *