Entenda como é o processo de colocação de blocos e coroas em porcelana

Tempo de leitura: 6 minutos

Quando um dente é danificado por uma cárie ou se quebra, por exemplo, ele pode ser recuperado com uma restauração. Porém, em alguns casos, é preciso fazer a colocação de blocos e coroas dentárias.

Esse é um método eficaz de recuperar os dentes que sofreram grandes danos, sem a necessidade de fazer a sua extração. E ainda existem duas formas de realizar esse procedimento odontológico: a colocação tradicional e a por meio da tecnologia CEREC.

Neste artigo, você vai entender para quais casos os blocos e as coroas são indicados e como é feito o tratamento. Além disso, vai conhecer os dois métodos possíveis de fazer essa restauração. Acompanhe!

Quando a colocação de blocos e coroas dentárias é necessária?

O tratamento de colocação de blocos e coroas dentárias é um dos procedimentos que se enquadram tanto para fins funcionais quanto para estéticos. Isso porque eles são capazes de reabilitar um dente e melhorar a harmonia do sorriso.

Os blocos e as coroas são restaurações utilizadas nos dentes quando já não é possível adotar os reparos mais simples. Esse é o caso das grandes destruições da coroa natural, que afetam a estrutura do dente.

Quando existe um grave comprometimento dentário, esses tratamentos são adotados. E isso pode ser em consequência de uma cárie extensa ou profunda, de uma quebra ou fratura, além de outros problemas que podem aparecer.

Nesses casos, é preciso realizar um grande reparo, e somente a restauração conservadora não consegue reabilitar o dente. A aparência também é prejudicada, e a fim de que o paciente continue com um belo sorriso, são adotadas as coroas ou os blocos.

Ambos têm a mesma finalidade: servir como uma cobertura para o dente que sofreu um prejuízo funcional ou estético. Porém, eles têm indicações diferentes:

  • blocos: são indicados em casos de reparos menores, em que o comprometimento é parcial;
  • coroas: são utilizadas em cenários mais severos, quando a parede dentária está muito comprometida e pouco se pode aproveitar do dente. Elas também podem ser usadas sobre implantes ou como suporte para uma ponte fixa.

Portanto, de um modo geral, as coroas e os blocos ajudam a manter a naturalidade do sorriso, garantindo a simetria e coloração homogênea dos dentes.

Como é feita a colocação tradicional?

Um das formas de fazer blocosa colocação de e coroas dentárias é pelo procedimento tradicional. Nesse caso, os resultados não são imediatos, e precisa-se de mais de uma consulta para fazer a restauração completa do dente afetado.

Primeiramente, o dentista precisará fazer um reparo no dente, seja para extrair a cárie ou para prepará-lo para receber a coroa ou o bloco. A utilização de um ou outro dependerá da extensão e da gravidade de cada caso.

Depois de preparar o dente, o especialista fará um molde da arcada dentária do seu paciente. Esse modelo será encaminhado para o protético, que vai confeccionar a coroa de forma personalizada, com base no exemplo da boca do paciente.

A cor da coroa ou do bloco também varia para cada pessoa. Ela pode seguir o tom natural dos dentes ou ser confeccionada em metal — entretanto, este último já não é tão utilizado, em razão de desfavorecer a estética do sorriso.

Quando a restauração fica pronta, uma nova consulta é agendada, agora para fazer a fixação da peça. A coroa ou o bloco é colado ao dente de modo que fique permanente no local. Por isso, é fundamental que o dentista tenha muito cuidado ao realizar esse procedimento.

É preciso fazer um bom trabalho a fim de evitar infiltrações entre a peça e o dente, o que poderia provocar cáries. Também é essencial que ela esteja bem fixada para que não se solte na mastigação ou na escovação, por exemplo.

Como se dá o procedimento feito por CEREC?

Um método mais moderno para colocação de blocos e coroas dentárias é feito por meio da tecnologia CEREC. Assim como para o método tradicional, o intuito é aplicar uma cobertura sobre o dente comprometido.

A diferença da tecnologia CEREC para o tratamento tradicional é a forma como o bloco ou a coroa são confeccionados. Isso porque o CEREC não utiliza moldes feitos em massa como base, mas sim uma imagem em 3D.

Depois de realizar o reparo do dente a ser restaurado, o especialista utiliza um scanner intraoral, que captura imagens da boca do paciente. Elas são transmitidas para o computador e, a partir disso, o molde é criado.

O computador consegue elaborar um projeto em 3D colorido e totalmente fiel às características dos demais dentes do paciente. Com isso, é possível confeccionar uma peça perfeita, que se encaixe corretamente e tenha a coloração idêntica aos dentes naturais.

Todo o procedimento é feito na hora e o paciente pode ver o resultado antes de a peça ser fabricada. Em apenas uma consulta o dente é restaurado — não é preciso esperar a peça ser confeccionada por terceiros ou utilizar artigos provisórios. Além disso, se for o caso, os ajustes também são realizados de imediato.

As vantagens da colocação de blocos e coroas dentárias CEREC são, então:

  • tratamento mais rápido;
  • possibilidade de visualizar o resultado antecipadamente;
  • fidelidade ao tom natural dos dentes;
  • respeito pelas características anatômicas da arcada dentária.

Ou seja, a restauração feita por CEREC oferece um tratamento mais cômodo para o paciente, feito em menor tempo e com mais certeza do resultado, além de ser fiel à estrutura original e não alterar a estética do sorriso.

Isso não significa que o método tradicional não seja eficaz, mas, sim, que a tecnologia CEREC é mais avançada e, por isso, apresenta mais benefícios e conforto para o paciente.

A colocação de blocos e coroas dentárias é um tratamento eficaz, que ajuda a salvar dentes que estejam muito comprometidos. Com isso, a perda total deles é evitada e a aparência do sorriso fica melhor, já que o resultado alcançado é mais natural e discreto.

Quer conhecer outros tratamentos e continuar recebendo dicas de como cuidar do seu sorriso? Então, assine a nossa newsletter e acompanhe todos os conteúdos! E se precisar conversar com um especialista pode contar conosco, é só clicar no botão abaixo para agendar sua avaliação!

Sobre Dr. Francisco

Dr. Francisco de Oliveira Castro
Dentista avaliador na clínica Vital Implantes.
CRO-DF 9447
Graduado em 1997 pela FELA-INCA/UEMG;
Pós-graduando em Implantodontia na EAP-ABO de Campo Belo - MG.

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *