O fio dental deve ser usado antes ou depois da escovação? Descubra!

Tempo de leitura: 5 minutos

A higiene bucal é primordial para manter a saúde dos dentes e da boca. Escovar os dentes após as refeições, usar creme dental e enxaguante bucal são apenas algumas das recomendações de muitos dentistas. Tão importante quanto esses itens, o fio dental consegue alcançar lugares que a escova não atinge e, por isso, remove restos de alimentos acumulados. Assim como a escova, o fio dental é imprescindível para a higiene bucal. 

Todavia, fica a dúvida: o ideal é usar o fio dental antes ou depois da escovação? Essa é uma questão cada vez mais frequente, já que, para que o ritual de higienização bucal seja feito de forma eficiente para remover as placas bacterianas, é preciso seguir todas as recomendações assiduamente.

No post de hoje, você saberá a resposta dessa e de outras dúvidas relacionadas à escovação de dentes. Confira!

Quando usar o fio dental

Atualmente, quando o assunto é usar o fio dental antes ou depois da escovação, não existem estudos específicos que abordam a ordem correta. Contudo, as recomendações de muitos dentistas variam.

Para remover os resíduos de alimentos que não foram eliminados com a escovação, o fio dental pode ser passado depois. Quando usado antes da escovação, ele removerá a placa bacteriana, um dos fatores que ocasionam a cárie.

Por isso, independentemente de usar o fio dental antes ou depois da escovação, o importante mesmo é não deixar de contar com o item, pois ele é um dos maiores responsáveis por manter uma ótima saúde bucal. 

Muitos profissionais frisam não somente a importância do uso do fio dental, mas também os benefícios que ele proporciona à saúde bucal. Entre as principais vantagens do uso do fio dental, está: além de realizar a limpeza nos espaços interdentais em que a escova de dente não alcança, ele proporciona a limpeza subgengival, o que promove também a diminuição do mau hálito. O fio dental também previne doenças típicas da boca, como a gengivite, cáries, manchas nos dentes, perda óssea interdental, entre outras.

Escolha do melhor fio dental

Por levar mais tempo na escovação ou, até mesmo, pelo desconhecimento do uso correto, o fio dental, muitas vezes, é deixado de lado. Hoje em dia, as diversas opções disponíveis no mercado também causam algumas dúvidas. Você sabe qual é o melhor fio dental para você?

Apesar da grande variedade, existem dois tipos mais comuns: o fio que possui múltiplos filamentos e o fio que possui filamento único. Além deles, existem também as opções com cera — que facilitam o deslizamento entre os dentes — e a opção sem cera. Quanto ao sabor, os mentolados oferecem maior frescor.

A opção de fio dental com múltiplos filamentos é a mais comum, pois ele é mais fibroso. O fio dental com filamento único, por sua vez, é mais resistente e é indicado para quem possui a arcada dentária apertada.

Existem outros modelos de fio dental que são indicados para quem usa aparelho dentário ou para fins de clareamento. Tudo dependerá da necessidade de cada pessoa e também da forma que cada uma se adapta.

Em casos de dúvidas, o ideal é conversar com o seu dentista, para que ele indique a melhor opção para o seu caso.

Passo a passo de como usar o fio dental

Agora que você já sabe sobre os benefícios de usar o fio dental antes ou depois da escovação, é fundamental fazer o uso correto do item para que ele proporcione todos os benefícios à saúde bucal.

O uso é bem simples: basta enrolar um pedaço do fio, aproximadamente 40 cm, ao redor de cada dedo médio, lembrando de deixar um pedaço livre entre os dedos.

Em seguida, com cuidado, siga as curvas dos dentes e faça movimentos leves entre eles, para cima e para baixo. Passe o fio ao redor de cada dente, ultrapassando a linha da gengiva devagar. Nessa etapa, é preciso que os movimentos sejam sutis para não machucar a gengiva. No entanto, o movimentação deve ser firme para que o resultado final tenha eficácia.

Para remover o fio entre os dentes, faça movimentos de cima para baixo, tirando o fio com cuidado.

Fio dental para quem usa aparelho ortodôntico

Para quem usa aparelho ortodôntico, passar o fio dental antes ou depois da escovação é um processo um pouco mais delicado. Para facilitar, basta contar com o “passa-fio” — um dispositivo específico para esse tipo de caso. Inclusive, ele é indispensável para que a limpeza dos dentes seja realizada de forma adequada.

Uso do fio dental em crianças

Muitos pais têm dúvidas quanto ao uso do fio dental para a escovação das crianças. Nesse caso, ele está liberado. Contudo, elas não devem fazer isso sozinhas. O ideal é sempre estimulá-las a criarem hábitos de higiene bucal e, além disso, acompanhá-las —isso é primordial para saber se o passo a passo está sendo executado de modo correto.

Afinal, o palito de dente pode substituir o fio dental?

Por ser muito comum em restaurantes, o palito de dente feito de madeira é quase sempre a primeira opção para quem pretende retirar os resíduos de alimentos dos dentes após uma refeição. Entretanto, por mais que pareça um aliado da higiene bucal, ele não substitui o fio dental em nenhuma hipótese.

O palito de dente não é capaz de eliminar a placa bacteriana e, tampouco, os resíduos de alimentos acumulados entre os dentes. Nesse caso, o palito de madeira não serve como um complemento da escovação, e pode ser usado apenas em momentos de emergência, quando não há fio dental.

É importante frisar que o uso inadequado do fio dental pode ocasionar ferimentos na gengiva e, por isso, usá-lo de maneira correta é fundamental.

Agora que você já sabe tudo sobre o uso do fio dental antes ou depois da escovação, assine a nossa newsletter para receber todas as atualizações do blog.

Sobre Vital Implantes

O lugar certo para cuidar do seu sorriso!

Especializada em Implantes Dentários, a Vital se notabilizou por viabilizar a execução deste procedimento, até mesmo para aquelas pessoas que jamais imaginaram serem capazes de realizá-lo.

Como adquire sempre uma grande quantidade de Implantes, a Vital tem uma condição especial junto às melhores fabricas e essa mesma condição é transferida ao paciente durante a negociação do seu plano de tratamento. Dá até pra dizer que só não faz o tratamento, quem não quer.

Além de só trabalharmos com as melhores marcas de Implantes, nosso corpo clínico é formado apenas por mestres e especialistas. Dessa forma, conseguimos duas coisas muito boas: reduzimos o tempo de execução e aumentamos a qualidade do tratamento.

Claro que não fazemos apenas Implantes dentários. Temos especialistas nas áreas de periodontia, endodontia, demais cirurgias, ortodontia, prótese e dentística. Dá para fazer todos os procedimentos no mesmo lugar.

Visite uma das nossas unidades e comprove. Além de sabermos muito de odontologia, somos especializados em recebê-lo bem e viabilizar a realização do seu tratamento.

> Para agendar uma avaliação ligue:
- Brasília (61) 3032-5666
- Goiânia (62) 3996-6666

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *