Afinal, você sabe o que é o separador ortodôntico?

Tempo de leitura: 6 minutos

Para algumas pessoas que chegam ao consultório odontológico em busca de um sorriso perfeito, o tratamento não começa com a colocação do aparelho. Antes disso, é preciso usar um separador ortodôntico.

Trata-se de um procedimento simples e totalmente seguro, que dá início ao processo de reposicionamento e alinhamento das arcadas.

No entanto, é preciso preparar o paciente para os efeitos causados pelo acessório, sobretudo no que diz respeito à questão da dor e dos cuidados necessários para aliviar o desconforto.

Por isso, neste artigo explicaremos o que é o separador ortodôntico, como ele funciona e por quanto tempo ele deve ser usado. Confira e esclareça todas as suas dúvidas!

Como o tratamento ortodôntico tem início?

A ortodontia é o ramo da odontologia que tem como objetivo principal o posicionamento correto das arcadas dentárias e dos ossos maxilares, promovendo o alinhamento entre todos os dentes. O dentista especializado nessa área é chamado de ortodontista.

Muitas vezes, quem chega ao consultório odontológico em busca do sorriso perfeito não sabe que o tratamento ortodôntica começa muito antes da colocação do aparelho.

Na fase de planejamento, o ortodontista define quais serão as etapas do processo e avalia quais são as correções necessárias, preparando os dentes para a fixação do aparelho.

O profissional analisará a mordida do paciente, solicitará a realização de radiografias e fará moldes da arcada dentária, entre outros procedimentos preparatórios.

Em alguns casos, é preciso aumentar o espaço entre os dentes para permitir a fixação adequada dos bráquetes e demais estruturas do aparelho ortodôntico. É nessa hora que o separador ortodôntico entra em cena.

Normalmente, os dentes molares (que ficam na parte de trás da boca) são os que mais necessitam passar pela etapa de afastamento para que o encaixe do aparelho seja perfeito e o tratamento ortodôntico comece da maneira certa.

Mas, afinal, o que é o separador ortodôntico? É o que você vai descobrir agora!

O que é o separador ortodôntico e como ele funciona?

O separador ortodôntico, também chamado de separador de dentes, é um anel feito de borracha, de espessura maior que a dos tradicionais elásticos que ficam sobre os bráquetes do aparelho ortodôntico.

O período de uso do acessório será definido pelo ortodontista de acordo com as características da arcada dentária de cada paciente. No entanto, o intervalo entre a colocação e a retirada do separador não ultrapassa sete dias.

Para introduzi-lo entre um dente e outro, o ortodontista usa dois pedaços de fio dental, puxando o separador ortodôntico e posicionando-o no lugar desejado.

A partir de então, o anel de borracha passa a ocupar um espaço cada vez maior entre um dente e outro, ampliando a distância entre eles. A pressão e o atrito constantes causam dor, o que constitui o maior medo quando se trata dos separadores ortodônticos.

Alguns pacientes não chegam a sentir muitas dores, mas reclamam do desconforto devido à movimentação da arcada. De uma forma ou de outra, a boa notícia é que o incômodo maior dura cerca de dois ou três dias.

Durante esse período, é fundamental seguir todas as orientações do profissional responsável pelo tratamento e adotar algumas medidas para aliviar a dor. Dessa forma, o paciente terá mais tranquilidade enquanto o tratamento ortodôntico avança, conforme você entenderá a seguir.

Como lidar com a dor?

Independentemente da idade, quem usa aparelho ortodôntico sabe que se trata de uma intervenção a longo prazo, que tem etapas nas quais o desconforto e a dor se fazem presentes de maneira mais acentuada.

Porém, com o acompanhamento do ortodontista é possível manter a situação sob controle e garantir o sucesso do tratamento.

Em se tratando do separador ortodôntico, o uso de analgésicos pode ser indicado logo no início do procedimento. Porém, a automedicação é absolutamente contraindicada!

O que deve ser entendido é que sentir dor demonstra que o separador ortodôntico está cumprindo seu objetivo, que é aumentar o espaço entre os dentes. Assim, nesse caso, a dor é um bom sinal, por mais difícil que seja conviver com ela.

Muitos pacientes não desenvolvem essa compreensão e acabam retirando o separador por contra própria, comprometendo toda a preparação para colocação do aparelho. Quando isso acontece, o ortodontista não tem outra opção senão recolocar o separador ortodôntico e começar o processo do zero.

Para evitar essa situação, existem cuidados que podem ser adotados tanto para diminuir a dor quanto para manter o separador no lugar certo e permitir que ele promova o afastamento dos dentes da forma mais rápida e tranquila possível.

É sobre essa questão que falaremos ao final do nosso artigo. Entenda!

Quais são os cuidados necessários nessa fase?

Além dos remédios prescritos pelo dentista, outra forma de evitar a dor é consumir somente alimentos líquidos ou pastosos nos primeiros dois ou três dias após a colocação do acessório.

De fato, a mastigação de alimentos mais duros pode agravar a sensação de desconforto, assim como o hábito de roer unhas ou de morder objetos como tampas de caneta. Portanto, tudo isso deve ser evitado.

Ainda em relação aos alimentos, também é preciso evitar aqueles que podem fazer com que o separador saia do lugar, tais como balas, doces, chicletes e outros itens que costumam ficar agarrados na gengiva ou nos dentes.

Pela mesma razão, o uso do fio dental nos dentes com separador deve ser suspenso. Nos outros dentes, entretanto, o instrumento deve ser usado regularmente, complementando a higiene bucal.

Quanto à escovação, as escovas de cerdas macias e finas são as mais indicadas nesse período. Basta usar a escova e o creme dental como de costume, apenas evitando esfregar a região próxima ao separador com muita força.

Ao colocar todos esses cuidados em prática, os pacientes colaboram com a etapa inicial do seu tratamento ortodôntico e começam a desenvolver o senso de responsabilidade necessário para todas as pessoas que sonham com dentes bonitos e saudáveis.

Então, depois de saber como o separador ortodôntico funciona e qual é a sua importância, que tal se informar melhor sobre a sua saúde bucal? Assine a nossa newsletter agora mesmo!

Sobre Dr. Francisco

Dr. Francisco de Oliveira Castro
Dentista avaliador na clínica Vital Implantes.
CRO-DF 9447
Graduado em 1997 pela FELA-INCA/UEMG;
Pós-graduando em Implantodontia na EAP-ABO de Campo Belo - MG.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *